NOTÍCIAS

Artista de São José leva torcida do Timão para ver meninos da Fundação Casa jogar

No último final de semana, ele reuniu alguns membros de torcidas organizadas do Corinthians de cidades da RMVale e foi até a unidade Tamoios da Fundação Casa, em São José

Por Marcos Eduardo Carvalho
São José dos Campos
OVALE

 

Uma lição de vida e uma oportunidade de levar um pouco de alegria e conscientização aos jovens que, por algum motivo, estão cumprindo medida sócio educacional nas unidades da Fundação Casa, destinada a jovens de até 21 anos, que cometeram algum delito.

Esse é o principal objetivo de Carlos Cesar Marcondes Germano, de São José dos Campos, o Germano, cantor de rap e que engajado em causas sociais. No último final de semana, ele reuniu alguns membros de torcidas organizadas do Corinthians de cidades da RMVale e foi até a unidade Tamoios da Fundação Casa, em São José, no dia 11 de fevereiro.

Por lá, conversaram e ainda fizeram algumas atividades esportivas para os meninos, que no dia a dia não têm muitas oportunidades. Agora, em março, a ideia é fazer o mesmo na unidade de Jacareí, mas a data ainda não está fechada. Até porque, em São José, o evento foi um sucesso.

 

Segundo ele, fazer eventos na Fundação Casa não é uma novidade. No entanto, essa foi a primeira vez que convidou torcedores de futebol para acompanhar.

Inclusive, na Fundação Casa, os jovens já fazem as próprias atividades oferecidas pelo governo do estado. E também, eventualmente, surgem as atividades feitas por pessoas de fora, como esta do último final de semana.

“De início, a ideia era levar um time pra jogar contra eles, mas como não poderia ser muitas pessoas, preferi levar só a torcida e só os meninos jogarem”, disse Germano a OVALE.

 

Segundo ele, diversas torcidas foram convidadas para o projeto. No entanto, apenas as torcidas do Corinthians “abraçaram a ideia” de primeira. “Fica o agradecimento especial aos Gaviões da Fiel e Pavilhão Nove de Jacareí, Taubaté, São José dos Campos e Caçapava.

OUTROS EVENTOS.
Anteriormente, Germano já fez diversos eventos, principalmente musicais, nas unidades da Fundação Casa. No entanto, segundo ele, a ideia do futebol surgiu por conta do fato de a maioria deles sonhar em ser jogador.

“A gente poderia levar uma torcida organizada dentro da unidade, e fazer com que o menino se sentisse em um estádio de futebol, fazendo com que voltasse a sonhar, a sentir vontade de fazer outra coisa, que não fosse o crime. Aí chamei uns amigos que estão a frente das torcidas do Corinthians aqui no vale. E fizemos”, disse.

 

Segundo o rapper, normalmente ele vai à Fundação Casa para falar de crime, abusos de drogas e conscientização. Desta vez, iniciou um projeto diferente.

Ainda de acordo com Germano, os jovens da Fundação Casa são bastante receptivos com ele e os amigos. “Eles recebem frequentemente as visitas de familiares, mas são poucas visitas além deles. Grande parte tem um pensamento errôneo sobre o que é a Fundação casa. Sempre levo pessoas novas, que nunca entraram no sistema, para perderem esse pré-conceito. Claro, seguindo todos os requisitos que nos impõem, afinal é um sistema prisional, né?”.

“Mas, referente aos meninos, eles estão com sede de aprendizado, boas referências. E só querem ser vistos como adolescentes que são. Eles são cheios de sonhos, vontade de viver e serem felizes”, disse.

 

NOVA CHANCE.
Germano conta que, desde 2010 já faz atividades com os meninos em alguma unidades espalhadas pela RMVale, com oficinas de rimas e poesias, além de fazer apresentações lá dentro.

“O intuito é descobrir talentos e poder dar a oportunidade de escolha aos meninos. Criei o projeto ‘mais que palco’, que tem essa finalidade. Gravar e produzir músicas dos meninos das unidades da Fundação casa.  Já gravamos alguns, agendando a gravação de outros. Tudo de forma gratuita”, disse.

Germano também atua na ajuda a pessoas em situação de rua. “Como eu trabalho com pessoas em situação de rua, meu esforço é tentar não deixar que esses meninos presos hoje, sejam as futuras pessoas em situação de rua. Acabando com os vínculos familiares e se perdendo das drogas”, finalizou.

 

 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por GerMano Rapper (@germanorapper)




14/03/2023 – Rádio Religare 35

COMPARTILHE

SEGUE A @RADIORELIGARE35

(35) 99939-0903

contato@radioreligare35.com
Pouso Alegre MG – BRASIL

NO AR:
PROGRAMAÇÃO MUSICA - RÁDIO RELIGARE 35