NOTÍCIAS

50 anos de Hip-Hop: Construção Nacional protocola decreto para reconhecimento e fomento à cultura.

Iniciativa inédita reúne Hip Hoppers de todas as regiões do país para viabilizar ações e conquistar tombamento cultural no cinquentenário da cultura

Além do decreto, o movimento “Construção Nacional do Hip-Hop” está articulando para que deputados federais aprovem um projeto de lei que incentive o desenvolvimento do Hip-Hop em todas as cidades através de concursos, editais, leis de incentivo a cultura, entre outras atividades que evidenciem o papel social do Hip-Hop nas regiões periféricas, dando “lugar de fala” a todos os agentes envolvidos com a cultura.

Rafa Rafuagi, que é MC negro, gaúcho, conhecido nacional e internacionalmente e um dos primeiros participantes do “Construção Nacional do Hip-Hop” destaca: “Estamos vivendo um momento histórico da cinquentenária Cultura Hip Hop, de colaboração nacional intergeracional, de unidade de Hiphoper’s na defesa das Periferias e Favelas brasileiras, de luta coletiva na busca de reconhecimento e fomento, bem como de gratidão a geral que veio antes na cultura Hip-Hop.”

A mobilização está construindo um mapeamento nacional do Hip-Hop através de grupos de trabalho (GTs) estaduais e para cada um dos fundamentos básicos do Hip-hop: DJ’s, MC’S, B.boys e B.girls (Breaking), grafiteiros e conhecimento.

A iniciativa é inédita e baseia-se nos princípios do Hip-Hop, que valorizam a igualdade de gênero, de regiões, de cada um dos elementos fundamentais para a construção de uma sociedade mais justa para todos.

A mobilização nacional pretende também que o IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) declare o Hip-hop brasileiro como patrimônio imaterial da cultura nacional.

A advogada Vitória Arêdes que atua na área de direito cultural faz parte do Grupo de Trabalho Jurídico da Construção Nacional do Hip-Hop” e contribuiu para a elaboração do decreto nacional enviado ao Ministério da Cultura declara: “A articulação nacional para a elaboração do decreto e reconhecimento do cinquentenário do Hip-Hop é uma iniciativa que deve ser aplaudida e valorizada. O Hip-Hop é uma cultura que transcende fronteiras e representa uma importante expressão artística e social, capaz de promover a diversidade, a inclusão e a conscientização sobre questões importantes para a nossa sociedade. Com essa articulação, é possível garantir que o Hip-Hop seja devidamente valorizado e reconhecido em todo o país, criando oportunidades para que mais pessoas possam se envolver e contribuir para o desenvolvimento dessa cultura tão rica e diversa, mas tão pouco valorizada e reconhecida.”




01/04/2023 – Rádio Religare 35

COMPARTILHE

SEGUE A @RADIORELIGARE35

(35) 99939-0903

contato@radioreligare35.com
Pouso Alegre MG – BRASIL

NO AR:
DOMINGUEIRA BLACK - RÁDIO RELIGARE 35